Logo Veteran Car Joinville
placa preta
banner veteran
Passeios e Comboios


Introdução:
Passear em grupo com carros antigos é um grande prazer e em geral uma atividade que também envolve a família (a qual com freqüência não se motiva quando o assunto é puro antigomobilismo). O sucesso de um passeio da família com carros antigos a aproxima do hobby e a torna mais compreensiva. Este sucesso pode ser mais facilmente atingido se algumas regras simples forem conhecidas e praticadas pelos participantes.
Comboio:
É a forma apropriada de realizar um passeio ou um trajeto com um grupo de automóveis antigos. Significa saírem juntos, do mesmo local, todos os participantes, viajarem juntos, de uma forma coesa e segura para o grupo e para os demais e retornarem também juntos para o local de partida. É praticada pelo Clube do Fordinho e pelos Jeep Clubs pelo Brasil afora que desenvolveram regras simples que se podem tomar como exemplo e copiar. Estas regras visam consolidar o companheirismo, contornar imprevistos e praticar os objetivos do clube. Lembre-se que carros antigos, mesmo os mais bem cuidados são mais vagarosos, tem reações mecânicas mais lentas e são mais suceptíveis de enguiços. Em nosso caso comboio, boa organização, apoio e solidariedade não são opcionais, são obrigatórios.


Regras gerais:
- 1) Pontualidade. Respeite horários. Avise o líder se não puder cumprir algum deles.
- 2) Veículo em ordem e em boas condições para viagem. Documentos, pneus, estepe, macaco, chave de roda, extintor, cintos de segurança, luzes, espelhos, óleo, combustível, freios, etc..., tudo em ordem.
- 3) Leve ferramentas, mangueiras, arame, fita isolante e peças sobressalentes críticas de seu carro.
- 4) Peça, leia, conheça, entenda, antecipadamente o programa do passeio.


Regras do trajeto:
- 1) Rigor no respeito às Leis. O comboio respeita as Leis de Trânsito. Atenção à sinalização e aos limites de velocidade em cada trecho do percurso.
- 2) Saiba seu lugar no comboio e evite ultrapassar o companheiro destinado a sua frente.
- 3) Faça o trajeto e programa do comboio. Se sua participação vai ser parcial informe clara e detalhadamente ao líder e se assegure que sua saída do comboio não cause confusão.
- 4) A não ser em emergências, só pare nos locais previamente combinados para o trajeto.
- 5) Regra do retrovisor: ajuste sua velociade pela do companheiro que vem atrás. Diminua e pare se ele parar. É um imprevisto.
- 6) Mantenha uma distância segura do companheiro a frente. Não se incomode se um veículo estranho ao comboio se infiltrar a sua frente. Com certeza em pouco tempo ele sairá do comboio.
- 7) Num imprevisto o comboio pára. Pare no acostamento e cuidado ao sair do carro. Mantenha a família dentro do carro. O líder do passeio analisa com brevidade a situação junto com os companheiros e deve deixar no local só os carros e companheiros que podem ajudar na solução do problema. O comboio deve seguir viagem até um estacionamento seguro ou o próximo ponto de parada previsto originalmente no passeio. O líder deve manter contato (via rádio ou celular) com o grupo atrasado, reorganizar os próximos passos e informar a todos os demais participantes.
- 8) Atravessar trechos urbanos em comboio é difícil e requer paciência. Vale a regra do retrovisor e o máximo de informação prévia do trajeto urbano aos participantes. Após trechos críticos o comboio deve se rearrumar.
- 9) Comboios longos (a partir de 12 ou 15 carros) são complicados de manter. Desde a partida, nestes casos, com definição ou aprovação do líder, os comboios podem ser repartidos em grupos menores que voltam a se reunir nos locais previamente combinados de parada. Isto permite, por exemplo, que se formem grupos com carros mais rápidos (Hots, Mavericks, Dodjões, Opalas) que melhor acompanhem a fluência do trânsito das auto-estradas. A divisão só vale para um trajeto, deve ser do conhecimento de todos e cada um deve saber do grupo ao qual faz parte. Cada grupo tem definido um sub-líder para coordenar, receber e difundir informação aos demais e ao líder do passeio.
- 10) É importante que todos os participantes cheguem juntos ao destino, principalmente se for um encontro para o qual o clube foi convidado. Isto mostra qualidade e permite melhor entrosamento com a organização do evento.
- 11) Respeito à natureza e ao próximo. Somos um clube-exemplo. Não sujamos nada, levamos nossos "lixinhos", tratamos os companheiros e todos com urbanidade, não fazemos brincadeiras de mau gosto, lavamos roupa suja em casa, não bebemos álcool em excesso.


Regras de organização (a maioria é desejável, não totalmente obrigatória):
a) Todo o passeio deve ter um líder que organiza o passeio, coordena, agrupa e difunde a informação.
b) De preferência deve ser alguém que conhece o trajeto e participou dos contatos com a organização do evento do destino.
c) O líder deve preparar previamente um folheto, a ser distribuído aos participantes do passeio, com o seu detalhamento.
d) No folheto devem constar os horários de partica, paradas, volta e outros principais eventos do passeio.
e) Devem ser previstas paradas para descanso (entre uma e duas horas de viagem), lanche, almoço e reabastecimento. Se possível o local de cada parada já deve estar preparado para o comboio, com estacionamento e mesas reservadas, comida pronta e preço contratado, por exemplo, ou ser um local capacitado a receber normalmente grupos de turistas ou viajantes.
f) O líder deve conhecer e listar todos os participantes e a ele deve ser dirigida e procurada toda a informação julgada importante.


Um excelente passeio à todos...