Logo Veteran Car Joinville
placa preta
banner veteran

Seis cruzamentos considerados críticos em Joinville devem ganhar semáforos     
Seis cruzamentos considerados críticos em Joinville devem ganhar semáforos neste semestre. A previsão é do Instituto de Planejamento (IPPUJ), que faz os projetos, e da Companhia de Urbanização (Conurb), que os executa. Outros locais também pode ser beneficiado este ano — a Conurb espera comprar até o fim de julho dez conjuntos semafóricos, num investimento de R$ 700 mil.

Todos devem atender reivindicações de moradores. Os cruzamentos atendidos são o da rua Monsenhor Gercino com Padre Roma (bairro João Costa), São Paulo com Barra Velha (Floresta), Monsenhor Gercino com Jarivatuba (Jarivatuba), Monsenhor Gercino com 6 de Janeiro (Paranaguamirim), Gothard Kaesemodel com Concórdia (Anita Garibaldi) e XV de Novembro com Concórdia.

Os cinco primeiros ficam na zona Sul e o último na zona Oeste. A prioridade é o cruzamento da Monsenhor Gercino com Padre Roma, segundo o diretor de trânsito da Conurb Eduardo Bartniak Filho. O cruzamento da São Paulo com Barra Velha — cenário de vários acidentes, um deles com morte, em maio — é um dos cotados para ter semáforo logo em seguida.

Não há data e hora exatas para que cada cruzamento ganhe seu sinaleiro. A intenção é instalar um ou dois por mês a partir de julho, de acordo com os repasses mensais da Prefeitura. Embora a necessidade mais imediata sejam esses seis locais, conforme elencadas pelo IPPUJ, a Conurb já planeja comprar logo dez conjuntos semafóricos para ter em outras necessidades urgentes.

O custo é de 70 mil por conjunto, incluída a mão-de-obra. O investimento chega a 700 mil — é o que a Conurb está autorizada a gastar este ano com semáforos, segundo Bartniak. O edital da licitação para compra está em avaliação no departamento jurídico e deve ser lançado nas próximas semanas.

Jornal A Notícia - Trânsito | 26/06/2009